RABINO DE SHAVEI ISRAEL VIAJE A GILGAL

RABINO DE SHAVEI ISRAEL VIAJE A GILGAL

Shavei Israel: Este feriado da Páscoa, Rabi Elisha Salas de Shavei Israel e sua esposa Avigail viajaram para o Kibbutz Gilgal e compartilharam conosco algumas fotos e belas histórias.

… Lembram-se do vídeo que o rabino Elisha Salas fez desde Gilgal? Pois é, ficámos a dever-vos as fotografias e os vídeos da visita, onde se podem ver as paisagens e os locais mais representativos da região.

Foi uma visita que fizemos ao Kibutz Gilgal, localizado na região do mesmo nome, mencionada várias vezes no Tanach. Embora não se saiba hoje em dia a localização exata do Gilgal bíblico, sabe-se que se encontrava no setor onde se encontra hoje o kibutz Gilgal, que por isso mesmo recebeu esse nome.

A visita ao kibutz foi guiada por Shmil Rosenblau, um dos habitantes mais antigos do kibutz, que, com os seus vastos conhecimentos de História e Geografia, fez a gentileza de nos acompanhar pelo kibutz, mostrando-nos, com visível orgulho e um entusiasmo contagiante, os vários locais conhecidos onde ocorreram eventos importantes, tanto bíblicos como recentes, e explicando-nos de igual modo sobre o funcionamento do kibutz nos nossos dias, algo também muito interessante.

Como tudo em Israel, Gilgal é um local mágico, onde a História antiga e a moderna coexistem, permitindo-nos, com um pouco de imaginação, “viajar no tempo”, transportando-nos a momentos e locais chave de várias épocas.

E há tanto por aprender! Tanto por ouvir e perguntar!..

Assim, pela mão do nosso novo amigo Shmil, percorremos vários milénios, começando pela chegada do povo judeu a Israel, que foi precisamente a Gilgal, após a passagem do rio Jordão há cerca de três mil anos, (Josué, 4: 20 – 5:12), passando pela conquista de Jericó (Josué, cap 6), pela sucessão do profeta Elias pelo profeta Eliseu (2 Reis, 2:1-22), até períodos da História moderna, onde pudemos ver trincheiras e instalações militares utilizadas para defesa durante as décadas de 60 e 70.

Shmil levou-nos a conhecer todo o kibutz, que se dedica sobretudo à cultura de tâmaras e à produção de leite. Como estávamos na semana de Pesach, até a ração das vacas era casher le Pesach!

Quisemos ir a Gilgal por ter sido o lugar onde se celebrou o primeiro Pesach logo após a entrada do povo judeu em Israel, liderado por Josué. Pensávamos que íamos apenas ver o local, mas acabámos por ter uma visita guiada fantástica, de uma riqueza enorme, e saímos de Gilgal impressionados com tudo o que vimos, com todas as explicações e com o prazer de ter feito um novo amigo.

Muito obrigado, Shmil!

Comments

comments

Avatar
Rabino Elisha Salas
portugal@shavei.org